4

Soft skills = contrate uma Mãe

Flavia Carmo
Flavia Carmo

Nos últimos tempos , o que mais ouvimos no ambiente laboral é o termo "Soft skills", que são aquelas habilidades que estão relacionadas com a interação com outras pessoas , habilidades como empatia ,resiliência, colaboração e comunicação. Diferente da "Hard skills" que são as habilidades técnicas ( que você pode aprender facilmente), além de fluência em idiomas e domínios de ferramentas etc.

Estou em transição de carreira , depois do meu "projeto" maternidade , que é , esta sendo, e será sempre ,super complexo e requer uma reestruturação completa em todos os âmbitos e níveis da vida.

Li recentemente uma pesquisa realizada pela Microsoft , e me deixou bastante animada. Segundo a pesquisa , que foi realizada nos EUA , e contou com 2 mil funcionários e 500 empregadores : 90% das mulheres ,melhoraram seus desempenhos profissionais ,depois da chegada dos filhos.

Dentre as habilidades desenvolvidas e destacadas depois da maternidade estão:

  • A capacidade de executar tarefas ao mesmo ( 62%)
  • Gestão organizada de tempo (50%)
  • Aumento das relações cordiais e temperamento conciliador com outros colegas de trabalho (34%).

Os empregadores ouvidos pelos pesquisadores concordam em ( 57%) , que mulheres que possuem filhos trabalham melhor em equipe, porque descobrem após a maternidade, novas habilidades comportamentais , e as empregam no ambiente laboral.

Elas possuem um maior senso de responsabilidade , pois outra vida depende diretamente delas. Se tornam flexíveis e se adaptam rapidamente a situações e lugares .Exercitam a criatividade para resolverem problemas rapidamente e otimizar tempo. Mostram maior liderança e motivação . Desenvolveram com a maternidade maior poder de persuasão e determinação . Capacidade de reconhecer novos talentos através da empatia, delegando tarefas de acordo com a habilidade de cada colega de trabalho. São comprometidas com o trabalho e apaixonadas pela ideia de ascender na carreira.

Realizar múltiplas tarefas ( toda mãe sabe , rs) ,é a habilidade mais desenvolvida entre elas .

Um ponto abordado na pesquisa da MICROSOFT é que o sucesso profissional das mães , pode ser atribuído a uma rotina mais flexível . O home office , horários alternativos , dão as profissionais com filhos mais tempo com sua família, e conciliar o trabalho e maternidade, as tornam profissionais dedicadas e relaxadas, com maior produtividade.

Existe uma enorme quantidade de profissionais buscando uma recolocação no mercado laboral. É

oportunidade perfeita das empresas unirem as necessidades por profissionais na área de tecnologia , e estas profissionais incríveis . #ContrateUmaDevMamae.




2
36

Comentários (3)

0
Juliana Akemi

Juliana Akemi

04/06/2021 18:40

Oi Flavia, concordo 100%, 200%, todos os % em contratação de mães! Não sabia sobre esses dados, adorei aprender sobre eles e, realmente, dá para perceber as diferenças. Só espero que não seja incentivo para outros julgamentos exagerados e machistas, como questionar porque a mulher ainda não teve filhos (como se fosse obrigação), mas sim o incentivo certo em valorizar essas profissionais. 💛🧡❤️ Ainda mais em tech, que tanto falam que precisam de mais soft skill, a gente começa a ler e se informar (como com artigos como este) e percebe que é um "no brainer" (resposta óbvia) contratar e integrar diversidade.


Pode compartilhar o link para essa pesquisa? Eu adoraria ler mais a fundo, obrigada!

1
Thiago Guedes

Thiago Guedes

03/06/2021 11:21

Que artigo, top! Ameeei!
1
Eliseu Brito

Eliseu Brito

03/06/2021 10:46

Concordo com vc Flavia! Infelizmente tem uns paradoxos na area de TI que também não consigo entender ainda.

None

Brasil