0

Sentimentos e doenças no desenvolvimento pessoal

Rogerio Nicacio
Rogerio Nicacio

             

O processo de desenvolvimento pessoal, ou seja, quando os indivíduos estão em desenvolvimento para ter um melhor conhecimento de suas habilidades e competências, assim como o aumento da autoconsciência em relação as qualidades e os pontos em que precisam melhorar, possui diversos benefícios, mas neste artigo, em especial, vamos tratar de como o desenvolvimento pessoal pode ajudar no cuidado com os sentimentos e também com as doenças, sejam crônicas ou não.

Sentimentos

              Em primeiro lugar é importante citar que o desenvolvimento pessoal está diretamente ligado com os sentimentos e as emoções. É impossível encontrar o equilíbrio, criar metas ou conquistar objetivos de maneira eficaz sem que os sentimentos estejam bem organizados. Isso se dá porque os sentimentos estão presentes em todos os âmbitos da vida de um individuo e influenciam completamente os relacionamentos, a autoconfiança, a superação de momentos complicados, o uso do potencial, entre outros.

              Vale citar, também, que um dos principais benefícios do desenvolvimento pessoal em relação aos sentimentos é o desenvolvimento da inteligência emocional. Para conquistar a inteligência emocional, nós preparamos algumas dicas essenciais.

Tenha consciência

              É muito importante que você tenha consciência das suas emoções, não tentando negá-la, mas buscando compreender as razões pelas quais elas surgem. Aposte em aprender com elas.

Tenha controle

              É muito comum que quando estamos em determinadas situações, como de raiva ou de ansiedade, por exemplo, que deixemos os sentimentos nos dominarem. A dica é resistir aos impulsos e, quando sentir que está sendo dominado por um sentimento, tentar manter a calma e voltar ao estado de equilíbrio para que boas decisões e escolham aconteçam.

Tenha responsabilidade e saiba se perdoar


              A dica é: assuma a responsabilidade por tudo o que acontece na sua vida, não coloque culpa em ninguém. Aceite que você é o único responsável pela sua vida. Para que isso ocorra, também é necessário saber se perdoar e aceitar que você pode errar inúmeras vezes.


Doenças

              Em relação às doenças, o desenvolvimento pessoal também tem papel crucial, não só no entendimento da condição, como também na aceitação. Ao aceitar uma condição, é possível ter maior foco no tratamento e nas buscas alternativas que aumentam o bem estar. Além disso, o desenvolvimento pessoal em relação às doenças faz com que pessoas consigam:

- Ter vontade de aprender o máximo que puderem sobre a condição, pois sabem que quanto mais informação, melhor será a relação com os sintomas ou tratamentos;

- Seguir o tratamento de forma adequada;

- Ter ânimo para se juntar a grupos de apoios, que são importantes para que a indivíduo troque informações com pessoas na mesma condição;

- Manter atividades físicas regulares;

- Manter-se socialmente ativo, seja com familiares, amigos ou colegas de trabalho;

- Compreender que existem dias bons e dias não tão bons assim;

- Ter o conhecimento de que suas qualidades vão muito além da condição, ou seja, compreender que a doença não é o que o define;

- Procure por apoio psicoterapêutico, sabendo que a saúde mental possui papel importante no tratamento.


0
0

Comentários (0)

None

Brasil