0

Quem ganha dinheiro na cama, geralmente, não é Dev

Jefferson Andrade
Jefferson Andrade

Publiquei um resumo de um site esses dias, trazendo um pouco para nossa realidade, aqui na DIO.


Lá, estavam umas sequências de dicas, 17 ao todo, e uma que me chamou atenção, pq sempre fazia e desde que retirei esse hábito minha vida mudou da água pro vinho.

ESTUDAR NA CAMA. É um crime, para quem, assim como eu, gosta de dormir MUUUIITOO!


Já dizia um vizinho meio "doido" meu, "Levanta, que quem ganha dinheiro na cama é..." (Aí tem todo um palavreado apropriado pra realidade dele) .


Bom, fui pesquisar sobre isso, e trouxe outro artigo pra vocês.

Quem mostra o quanto estudar na cama faz mal é a consultora em organização e especialista em rotina escolar, Natália Zanardi Ortiz, e ela explica, em poucas palavras que estudar na cama e desempenho, não são tão aliados assim.

A verdade é que quando estudamos na cama não temos o mesmo rendimento de quem estuda numa mesa organizada.


Lembra daquela história de estudar com mais qualidade e menos quantidade? Esse é o foco. “Os adolescentes já têm uma natural preguiça, por conta de seus hormônios”, explica Natália. Estudar deitado pode acentuar ainda mais essa sensação.


“Não adianta ficar de pijama, estudando todo jogado porque o cérebro é assim: você vai bocejar e vai te dar sono. O seu próprio cérebro não entende que você está estudando”, descreve Natalia.



Esse conteúdo foi retirado do portal Stoodi, que tem tudo haver com o que você e eu deveríamos estar fazendo agora kkkkk

Bom, o link tá aqui embaixo, para que você possa dá uma olhada tbm!


https://www.stoodi.com.br/blog/dicas-de-estudo/ler-deitado-ou-sentado-faz-diferenca/


Levanta da cama, menino(a)!

0
0

Comentários (3)

1
Anderson Salles

Anderson Salles

12/05/2021 18:10

Muito bom artigo! Isso vale para quem trabalha em home office! Quanto mais organizado, mais produtivo. Dormir bem é muito importante em torno de 6 a 8 horas, o ideal seria 8h. Mas sei que não é a realidade da grande maioria.

0
Edvaldo Junior

Edvaldo Junior

12/05/2021 18:38

Gostei do artigo e vou levar como lição de vida ! Obrigado

0
Thiago Guedes

Thiago Guedes

12/05/2021 17:26

Valeu pelo artigo, mano! Muito bom! Realmente uma postura ativa faz toda a diferença!

Jefferson Andrade, 25 anos, Recifense, Autônomo, Pai, 10° período de Direito (trancado), iniciando análise e desenvolvimento de sistemas ainda neste ano.

Brasil