1

MAVEN não reconhece JAVA_HOME no Ubuntu

#Linux #Java #Maven
William Dias
William Dias

Olá pessoal!

Neste artigo vou relatar um problema que tive aqui em integrar o Maven com o Java.

Maven, todo mundo sabe que é uma ferramenta de automação de compilação, que ajuda pacas na estruturação do projeto, gerencia e organização das dependências, utilizadas em projetos Java, mas também em C#, Ruby, Scala, entre outras.


Mas o problema foi o seguinte, quando eu digitava

mvn -v

Apresentava a seguinte saída

The JAVA_HOME environment variable is not defined correctly

Desta forma, eu executei outros comandos para verificar se a JAVA_HOME estava correta.

Primeiro executei

printenv JAVA_HOME

e ela apresentou o caminho correto para o diretório onde minha jdk está instalada.

/usr/lib/jvm/java-11-oracle

Como vocês podem ver, é a versão 11 da Oracle.

Aí eu pensei...só se na variável de ambiente PATH ela não esteja lá, apontando para pasta /bin. E também realizei a consulta.

printenv PATH

Para minha surpresa ela também estava lá definida "certinha"

/usr/local/sbin:/usr/local/bin:/usr/sbin:/usr/bin:/sbin:/bin:/usr/games:/usr/local/games:/snap/bin:/usr/lib/jvm/java-11-oracle/bin

Aí depois de um tempo pensando como eu tinha configurado o Java, lembrei que tinha alterado um arquivo a fim de configurar variáveis no Ubuntu, o arquivo bashrc.

Este arquivo serve para configurar variáveis, funções, aliases, definir as configurações do terminal, entre outras funcionalidades. Ele funciona sempre que abrimos um terminal, janela ou painel.

Mas ele fica oculto e não lembrava onde ficava, desta forma, digitei o comando

find / -name .bashrc

Ele me apresentou uma saída enorme, com vários programas que também tinham este arquivo atrelado as suas configurações, mas teve um que me chamou a atenção, pois estava em meu diretório. E bingo!

/home/willdkdias/.bashrc

fui até minha pasta e digitei a função (Ctrl+H) para apresentar os arquivos ocultos e lá estava ele. Desta forma, abri com um editor de texto padrão do Ubuntu e fui até as últimas linhas de configuração. (Pois se eu inclui algo estaria lá...e não é que estava lá mesmo!)

JAVA_HOME=/usr/lib/jvm/diretorio_do_java

export JAVA_HOME

export PATH=$PATH:$JAVA_HOME/bin

A JAVA_HOME estava apontando para outro caminho, então quando defini o caminho correto para o JDK da Oracle, o comando do Maven funcionou corretamente.


Espero que este artigo ajude você esta tarefa de configurar o Java no Ubuntu, assim como integrá-lo ao Maven.


Que a força esteja com você.

Abraço!

0
21

Comentários (0)

None

Brasil