0

Mais mulheres na tecnologia!

Alice Apreia
Alice Apreia

Imagine seu ambiente de trabalho e os profissionais que dividem a rotina de programação com você. Agora me responda: quantos são mulheres? 


Segundo pesquisa do IBGE, apenas 20% dos profissionais da área são do gênero feminino, número ainda considerado baixo e que traz à tona uma questão importante: como superar as barreiras de gênero e atrair mais mulheres para o setor de TI


Atualmente, temas como diversidade, equidade e inclusão têm pautado as discussões em grandes organizações, incluindo as empresas mais importantes da área de tecnologia, e com isso, muitas propostas, tanto de organizações privadas quanto da sociedade civil organizada, estão sendo colocadas em prática a fim de equilibrar o cenário e dar mais oportunidades às profissionais mulheres dentro da tecnologia.


➡️ Exemplos são criação de grupos que abordam a educação e desenvolvimento de tecnologia entre mulheres; programas de mentorias e capacitação profissional ou, até mesmo, processos de seleção exclusivos para recrutamento de desenvolvedoras. 


➡️ São ações importantes que ajudam a transpor algumas das barreiras existentes no mercado que ainda consideram o trabalho com programação como sendo preferencialmente exercido por homens. 


Aqui na DIO, o bootcamp everis New Talents 3 é o programa de estágio da multinacional. Com duas trilhas de tecnologia - Java e .NET, os interessados escolhem o que mais curtem e aprendem com experiências educacionais que vão de cursos a mentorias com experts da everis, preparando-se tecnicamente para os desafios do dia a dia na everis, pois eles têm grandes chances de serem contratados pela empresa ao final do programa. 


Esse bootcamp é uma excelente oportunidade para as desenvolvedoras em início de carreira, pois a everis está em busca de mais diversidade em seus times de tecnologia e tem muitas vagas reservadas para mulheres. 


Então, se você é mulher ou conhece alguma dev que está cursando graduação em tecnologia e quer uma oportunidade numa grande empresa global, essa é uma super chance! 👩‍💻


Acesse o link e garanta sua inscrição:

everis New Talents 3 - Java: https://bit.ly/2XVayIw

everis New Talents 3 - .NET: https://bit.ly/3oazWVJ

0
0

Comentários (2)

1
Israel Nascimento

Israel Nascimento

11/10/2021 11:29

Fui abençoado com um casal de filhos, penso que o trato de antigamente não serve mais, pois era mulher cuidando de casa e homem saindo para trabalhar. Penso que agora no presente estão tentando equilibrar as coisas fazendo a inserção da mulher no mercado de trabalho de varias formas validadas e motivadoras, porém quero que o futuro chegue logo para pensarmos em isonomia. Quando o futuro chegar, gostaria que meus filhos pudessem ter oportunidades iguais, independente de qualquer outro ônus ou bônus que a sociedade ofereça de novo.


1
CARLOS SILVA

CARLOS SILVA

11/10/2021 10:53

Ótimo artigo, Alice Apreia.

O perfil feminino é visto como um diferencial principalmente em áreas que precisam de organização, atenção e carisma. Mais mulheres na T.I ...

None

Brasil