0

Dicas para se tornar uma pessoa desenvolvedora Ágil - Por André Gomes, Senior Director at Avanade.

Pedro Silva
Pedro Silva

A agilidade é uma pauta constante no universo da tecnologia. É bem provável, inclusive, que você já tenha uma rotina de trabalho alinhada com alguma metodologia ágil - mesmo que não tenha tanto conhecimento sobre ela. 

Quando corretamente aplicada, a metodologia ágil escolhida cria uma lógica de organização por trás de cada tarefa a ser executada, favorecendo um melhor uso do tempo disponível. Pessoas desenvolvedoras que realmente compreendem seu papel dentro dessa dinâmica conseguem contribuir de uma maneira mais eficiente e ativa. 


Entendendo seu papel na estrutura


Geralmente, ao começar um novo projeto, a equipe escolhe em conjunto a metodologia mais adequada à sua realidade (scrum, kanban, design sprint, para citar alguns exemplos) e começa a seguir seu passo a passo. Ou seja, mesmo que façam algumas adaptações, existe uma espécie de roteiro que ajuda a guiar as ações da equipe de forma coordenada e coerente. 

Nesse momento, surge a sua primeira tarefa como pessoa desenvolvedora: mergulhar no método ágil escolhido, sua lógica e sua aplicação. Ao compreender como ela funciona, você terá mais facilidade para saber quando deverá agir. Além disso, terá uma melhor visão sobre as tarefas que virão, o que permitirá que você se prepare para elas com antecedência, agilizando as suas entregas. 


Agilidade não é sobre pressa


Apesar do nome parecer a ter a ver com aceleração e correria, as metodologias ágeis não têm exatamente a ver com isso. Como uma pessoa desenvolvedora, você precisa enxergar o uso de uma dessas ferramentas como um meio para que você possa identificar as etapas dentro de cada projeto e elencar prioridades. 

Ter essa consciência permitirá que você mantenha o foco e evite desvios, o que, por sua vez, favorecerá um ritmo de produção mais consistente e entregas mais rápidas. Tudo isso, sem necessariamente precisar se sobrecarregar e correr para entregar tudo no menor tempo possível, afinal, essas ações provavelmente resultariam em entregas com menos qualidade.


Saiba identificar o momento certo para cada coisa


Ser uma pessoa desenvolvedora ágil também significa saber aproveitar os momentos disponíveis da forma certa; tanto em equipe, quanto individuais. Com certeza, em algum momento da sua carreira você já se pegou pensando na típica frase “essa reunião poderia ter sido um e-mail”. Ou provavelmente já passou horas em uma reunião que poderia ter tido uma duração menor.

É claro, que, para evitar o desperdício de tempo, todos da equipe precisam estar em sintonia e saber o objetivo de cada ritual proposto pela metodologia ágil aplicada. Dê o exemplo: se prepare para as reuniões para evitar ter falas longas e redundantes; tenha certeza de que está levando para esses momentos pontos que agregam valor para a equipe toda. Se for necessário, marque conversas separadas com outras pessoas da equipe para continuar a discussão em outro momento. Ter essa consciência agilizará a dinâmica de trabalho de todos os envolvidos. 

Além de utilizar as reuniões de forma apropriada, saiba aproveitar também os momentos de foco! É bem provável que seu dia-a-dia seja cheio e, para desenvolver um bom trabalho, é fundamental que você use ao máximo as horas disponíveis para a sua total concentração. Preze pela manutenção dessas ocasiões no seu calendário e busque eliminar distrações que possam prejudicar seu uso. 


Aprenda a lidar com feedbacks


Na dinâmica de uma equipe ágil, uma pessoa desenvolvedora precisa saber trabalhar com autonomia. No entanto, é necessário ter consciência de que a equipe é composta por pessoas de áreas interdependentes, que precisam cooperar para que as entregas sejam feitas com o máximo de qualidade.

As metodologias ágeis costumam favorecer momentos de acompanhamento das tarefas de cada um dos envolvidos, nos quais você terá que demonstrar o que você está desenvolvendo. Naturalmente você receberá feedbacks sobre o que for apresentado. É importante entender que esses momentos de troca não são pessoais e têm foco em obter o melhor produto final possível. Adote uma postura madura e busque usar esses comentários como um norte para uma versão ainda melhor do que o que você vem desenvolvendo. Garanto que isso fará toda a diferença.


Mantenha-se em busca de novos aprendizados


Por fim: se mantenha em busca de novos aprendizados. Se abra para novos conhecimentos, se permita aprender em diferentes momentos do dia. Se informar sobre as novidades no universo da programação é uma das formas de fazer isso e, talvez, a mais comum quando estamos falando de habilidades técnicas. 

Eu te desafio a ir além. Não limite seus conhecimentos às hard skills relacionadas à programação. Evoluir sua técnica é, sim, muito importante, mas saber sobre as outras áreas que interagem com o seu trabalho será absolutamente enriquecedor. Converse com colegas, faça cursos online, assista vídeos, leia artigos… As possibilidades são inúmeras e te ajudarão a compreender as funções e limitações de cada área. Esse conhecimento te dará meios para se tornar uma pessoa ainda mais colaborativa no contexto da metodologia ágil aplicada. 

0
0

Comentários (0)

Systems Analysis and Development Student C# | .NET | Azure | SQL

Brasil