4

Como não ser um menino do computador

#Boas práticas
Alberto Filho
Alberto Filho

Você é um menino ou menina do computador?


Certo dia eu estava na sala do meu gerente esperando para falar com ele e enquanto ele estava no telefone ouvi ele falar assim: “Eu estou aqui com o menino do computador...”.

Achei até engraçado na hora, pois muitos acham que o profissional de TI independente do grau de instrução, experiência profissional, cursos correlatos ou mesmo idade ainda consideram ou chamam esse profissional de “menino, ou menina, do computador”.

Mas não se preocupe com isso, se você ainda não foi chamado dessa forma, pode acontecer de que um dia você seja chamado assim ou também como o “rapaz do computador”, “cara da informática”, ou simplesmente “TI” (esse último, quando não sabem seu nome) e assim vai.



Mas falando sério mesmo, muitas vezes, não são as pessoas que não valorizam a categoria, mas eu ou você mesmo. Não devemos nos vitimizar pela falta de valorização, mas sim seguir em frente e buscar sempre nos desenvolvermos, e quando falo buscar se desenvolver quero dizer em melhorar nossas soft skills e não somente hard skills para deixarmos de sermos só um “menino do computador”.



Hard skills e soft skills: conceito


O que são hard skills?


As hard skills, em geral, podem ser aprendidas, seja por meio de cursos, graduações, treinamentos, livros, dentre outras coisas e essas competências são facilmente reconhecíveis e comprováveis por meio de certificações e diplomas, por exemplo.


Alguns exemplos de hard skills são:

  • proficiência em língua estrangeira;
  • graduação;
  • especializações;
  • mestrado ou doutorado;
  • certificações específicas;
  • cursos técnicos;
  • manejo de ferramentas;
  • operação máquinas;
  • habilidades em programas de computador;
  • desenvolvimento de softwares.


O que são soft skills?


Chamamos de soft skills aquelas habilidades mais subjetivas de cada indivíduo, que tem a ver com a personalidade, caráter, crenças, valores e que te influenciarão diretamente a maneira como o profissional se relaciona com outras pessoas. Por isso, as soft skills costumam se manifestar no âmbito das relações interpessoais - no inglês, também são conhecidas como "people skills".


São exemplos de soft skills:

  • resilência;
  • flexibilidade;
  • boa comunicação;
  • paciência;
  • senso de liderança;
  • ética;
  • espirito de equipe;
  • capacidade analítica;
  • dinamicidade;
  • cordialidade.


Saiba mais acessando os links:

https://www.napratica.org.br/como-desenvolver-soft-skills/

https://www.xerpa.com.br/blog/hard-skills-e-soft-skills/#:~:text=O%20termo%20skill%2C%20em%20inglês,habilidades%20subjetivas%20de%20um%20profissional.

https://www.educamaisbrasil.com.br/educacao/carreira/hard-skills-e-soft-skills-por-que-sao-importantes-para-o-curriculo


O mundo mudou


Antigamente tinha-se a visão de que o “cara do computador” tinha que ser um Nerd tímido e de poucos amigos, mas isso mudou, se não deixarmos a nossa timidez de lado e não buscarmos ampliar nosso networking e buscarmos empreender dentro ou fora da empresa ficaremos ou nos sentiremos estagnados e fadados ao fracasso.