0

A importância da base no mercado de trabalho

#Java
Carlos Santos
Carlos Santos

Tudo bem devs?

Queria compartilhar com vocês minha experiência como autodidata no mundo da programação, mais especificamente no mundo do Java. Alguns devem estar começando ou até já avançados em suas linguagens, mas vale tirar um tempo para ler meu relato.

Fiz faculdade de engenharia metalúrgica e lá tive contatos com programação, principalmente C++ e Java, mas nada de muito aprofundado, mas boas experiências, visto que gostava bastante.

Então no começo de 2020 decidi mudar de área e busquei conselhos de amigos desenvolvedores e eles mandaram eu começar com a base. Comecei com Java básico, orientação ao objeto, banco de dados, html, javaScript e arquitetura de softwares e por pressa para entrar no mercado, sem perceber fui atropelando fundamentos dessas tecnologias para chegar logo nos frameworks e poder botar em pratica tudo que achava já ter aprendido.

Fiz um projeto freelance usando Angular, junto com meu primo, que já trabalha como dev a anos, e me achei pronto para o mercado e comecei a me candidatar a vagas e bootcamps de empresas do ramo.

Participei de três processos seletivos no fim de 2020 e em todos fui até a entrevista técnica, inclusive em um que era nível sênior, depois de ter entregue vários desafios de produção de APIs em Spring, que aprendi para esses processos vendo vídeos no Youtube e lendo as documentações e artigos.

Bom, em duas delas eu simplesmente fui dispensado sem um feedback que me fizesse cair na real do meu problema, mas na ultima entrevista o rapaz que me deu o melhor feedback da minha vida.

Na entrevista era só eu e ele e era a ultima antes da contratação, foi a apresentação do projeto que tinha enviado como desafio. Apresentei meu projeto, com muito nervosismo visto que reconheci o entrevistador como autor de alguns livros e cursos que tinha feito, e depois de varias perguntas que respondi como pude, ele me falou o seguinte:

"Carlos, foi um prazer poder te entrevistar, e você é um cara incrível! Você tem todo o potencial para se tornar um DEV fora da curva, porém ainda é necessário mais estudos para alcançar.

Pelo que conversamos, você tem muita vontade de atuar na área de programação.

Sugiro que não tente resolver o problema utilizando diversas bibliotecas de uma vez, pelo menos não nesse momento.

Acho que um bom passo, é estudar bastante Java, modelagem de sistemas Orientado a Objetos. Estude bastante quando e por que usar uma interface, como funciona a herança de classes e até mesmo modificadores de acesso para atributos. Também acho legal entender os padrões do próprio Java, como getters/setter e por que devemos ter construtores vazios, por exemplo.

Após ter praticado bastante isso, entendido realmente os conceitos do Java, que tal começar a praticar de forma deliberada JPA/Hibernate e Spring? Entender cada framework que estamos utilizando e até mesmo se ele é necessário, saber qual problema ele resolve.

Pratique bastante tudo que narrei em conjunto com SQL, GIT e REST, que são tecnologias que precisamos saber para complementar nosso trabalho."

Com esse feedback, percebi minhas deficiências e que diferente de algumas áreas do conhecimento, além de saber fazer, temos que entender, por que fazer assim e o que está acontecendo por trás dos panos. Então de janeiro pra cá, venho trabalhando em tudo isso. Focando nos detalhes, aprendendo cada tecnologia de forma separadas e em conjunto, para suprir todas essas minhas deficiências.

Ainda não conhecia a plataforma DIO até o dia dessa entrevista, mas desde que encontrei, depois de ter sido citada por meu entrevistador, vem me ajudando bastante com meus objetivos. As lives, os cursos, os bootcamps são extraordinários e com muito conteúdo bom que nos ajuda a crescer exponencialmente. Aqui temos contatos com Devs renomados e anônimos de alto nível que colaboram nesse crescimento.

Mas é isso, foquem na base de suas tecnologias para poder ampliar da forma correta seu potencial e colaborem com essa comunidade que é bastante colaborativa.

Era isso que queria compartilhar com vocês. Um pouco sobre as necessidades do mercado com relação a desenvolvedores.

Esse feedback acima são as palavras de um dev experiente e de sucesso que gravei e transcrevi para que quem ler não cometer o mesmo erro.

Desejo sucesso a todos e precisando, é só entrar em contato.

0
9

Comentários (0)

None

Brasil